Menu
Fernando Santos revela os 23 jogadores para o Euro 2016

Fernando Santos revela os 23 jogado…

O seleccionador nacional ...

FC Porto perde pontos importantes antes do clássico com o Benfica

FC Porto perde pontos importantes a…

Antes do clássico que se ...

Luisão vai ter que parar algumas semanas devido a lesão

Luisão vai ter que parar algumas se…

O Benfica teve uma noite ...

Hollande: EUA e França vão intensificar ataques contra o EI

Hollande: EUA e França vão intensif…

O Presidente francês, Fra...

Erdogan: Turquia tem direito a "defender as suas fronteiras"

Erdogan: Turquia tem direito a …

O Presidente turco, Recep...

Molenbeek: "Estou aqui pela paz"

Molenbeek: "Estou aqui pela pa…

"Estou aqui em nome da pa...

Imprensa francesa fala em "guerra em plena Paris"

Imprensa francesa fala em "gue…

A imprensa francesa desta...

Massacre em Paris faz 127 mortos

Massacre em Paris faz 127 mortos

Pelo menos 127 pessoas mo...

Síria: 595 mortos desde o inicio dos ataques da Rússia

Síria: 595 mortos desde o inicio do…

Pelo menos 595 pessoas fo...

EUA e Rússia assinaram memorando

EUA e Rússia assinaram memorando

A Rússia e os Estados Uni...

Anterior Seguinte


António Zambujo em entrevista Destaque

António Zambujo em entrevista

Clique para ampliar Antuérpia é o palco escolhido por António Zambujo para apresentar “Quinto”, o seu mais recente álbum, em território belga. Esta noite, às 20h30, a voz do fadista português ecoará no Zuiderpershuis. Em Maio, António Zambujo regressa à Bélgica para mais dois concertos.

A capa do seu último trabalho discográfico destaca uma mão cheia, em clara analogia ao número de álbuns gravados até ao momento. Em “Quinto”, o fadista alentejano é acompanhado por Bernardo Couto ou Luís Guerreiro na guitarra portuguesa, José Miguel Conde nos clarinetes, Jon Luz no cavaquinho e o Ricardo Cruz no contrabaixo e na direcção musical.


NCF: Quais as suas referências musicais?

AZ: A minha primeira memória musical é da música tradicional da minha região [Alentejo] e foi o que me fez ter vontade de cantar e tocar. A seguir, veio o fado. Acho que esses são os dois pilares onde assenta a minha música. Mais tarde, por formação e por gosto, comecei a interessar-me muito por jazz, música popular brasileira e as mornas de Cabo Verde.


NCF: Qual o balanço que faz do seu percurso artístico?

AZ: Faço um balanço positivo. Só faço o que gosto e acho que isso é o mais importante.


NCF: Tem tido alguns ecos da receptividade do seu trabalho na Bélgica?

AZ: Estes serão os meus primeiros concertos na Bélgica, então acho que as pessoas ainda não tiveram oportunidade de ouvir a minha música, apesar de o disco estar cá à venda.


NCF: No início do mês lançou o quinto disco da sua carreira. O que se pode esperar deste trabalho?

AZ: Cada disco é o registo do momento que estou a passar. Neste reflectem-se todas as influências que referi e vem um pouco na continuação dos discos “Outro sentido” e “Guia”. É um disco de originais com músicas minhas, do Ricardo Cruz, do Pedro da Silva Martins dos Deolinda, do Miguel Araújo, do João Monge, da Maria do Rosário Pedreira, do Nuno Júdice e dos brasileiros Márcio Faraco e Rodrigo Maranhão. Espero que agrade ao público.


NCF: Afirmou que as viagens influenciam sempre um disco. Quais as impressões mnemónicas que estão por detrás deste novo disco?

AZ: Todas as viagens que fizemos nos últimos dois anos, os festivais em que participámos, tudo isso estará seguramente neste disco.


NCF: O que é que a população belga e as comunidades de emigrantes podem esperar dos seus espectáculos na Bélgica?

AZ: Os meus concertos têm sempre por base as músicas dos meus discos. Será isso que o publico, que espero que seja muito, irá escutar nos meus concertos.


NCF: Quando está em palcos além-fronteiras, sente que o fado continua a ser um forte elo de ligação dos emigrantes com o seu país de origem?

AZ: Infelizmente, nunca tenho muitos emigrantes nos meus concertos. Não sei se é porque não revêem na música que faço... As salas, felizmente, estão cheias, mas sempre com poucos portugueses.


De relance pela biografia

António Zambujo nasceu em Beja, em 1975. Cresceu a escutar o cante alentejano e começou a estudar clarinete com oito anos, no Conservatório Regional do Baixo Alentejo. Finda essa formação, decide rumar a Lisboa, onde Mário Pacheco, intérprete e compositor de guitarra portuguesa, lhe abriu a porta do conhecido Clube do Fado, onde passou a tocar.

Posteriormente, António Zambujo integrou o musical Amália, dirigido por Filipe La Féria, cabendo-lhe a interpretação de Francisco Cruz, o primeiro marido de Amália. Em 2002, lança “O mesmo fado”, o seu primeiro trabalho discográfico. Dois anos mais tarde, edita “Por meu cante”, onde recupera temas do Cancioneiro de Beja para fundi-los com novas tendências do Fado.

Em 2006, António Zambujo é galardoado com o Prémio Amália Rodrigues, na categoria de “Melhor Intérprete Masculino de Fado”. “Outro Sentido” (2007) e “Guia” (2010) foram os trabalhos editados antes de “Quinto”.


Patrícia Posse

Modificado sexta, 31 janeiro 2014 17:20
voltar ao topo

Comentários

  1. Portugueses
  2. Comunidade
  3. Internacional
  4. Portugal
  5. Desporto
Ana Moura em Antuérpia

Ana Moura em Antuérp…

A fadista portuguesa em concerto no "De Roma" esta...

Amigos de Moçambirque organizam Festa pela Paz

Amigos de Moçambirqu…

Os Amigos de Moçambique gostariam de convidá-los a...

Apresentação do livro "Sousa Mendes, le Consul de Bordeaux"

Apresentação do livr…

Orfeu, éditeur et librairie portugaise et galicien...

Les livres magiques de Silvia Bandas

Les livres magiques …

C’est à partir de là que j’ai décidé d’en faire ma...

Governo Regional de Madeira em Londres em busca de novas oportunidades de negócio

Governo Regional de …

Um grupo de representantes do Governo Regional da ...

Romance " Estrangeira a mim mesma" de Léa Ferreira

Romance " Estra…

Vimos por este meio divulgar a publicação do roman...

Vinho português abre mercado a outros produtos alimentares nacionais no Reino Unido

Vinho português abre…

A boa reputação do vinho português está abrir port...

Língua é um fator-chave para sucesso dos novos cidadãos

Língua é um fator-ch…

O Governo canadiano pretende que os novos imigrant...

Naufrágio provoca dezenas de mortos

Naufrágio provoca de…

Embarcação com cerca de 500 imigrantes a bordo ...

Dilma repreende estudantes após vaias

Dilma repreende estu…

Presidente do Brasil saiu em defesa de governad...

Tarde de confrontos violentos no Rio de Janeiro

Tarde de confrontos …

Manifestação à porta da Câmara Municipal acabou...

João XXIII e João Paulo II canonizados a 27 de abril

João XXIII e João Pa…

Papa Francisco anunciou a data em que os seus a...

Portugal foi dos que mais reduziu investimento em educação

Portugal foi dos que…

Portugal foi severamente atingido pela crise finan...

Reconstrução de ovário dá esperança

Reconstrução de ovár…

O primeiro transplante de tecido ovárico em Portug...

Conheça os ministros do novo Governo

Conheça os ministros…

António Costa foi, esta terça-feira, indicado prim...

Madeira investe 25% do orçamento na educação

Madeira investe 25% …

O Governo Regional da Madeira está a investir este...

Fernando Santos revela os 23 jogadores para o Euro 2016

Fernando Santos reve…

O seleccionador nacional Fernando Santos revelou e...

FC Porto perde pontos importantes antes do clássico com o Benfica

FC Porto perde ponto…

Antes do clássico que se vai realizar esta sexta-f...

Luisão vai ter que parar algumas semanas devido a lesão

Luisão vai ter que p…

O Benfica teve uma noite de Sábado passado, dia 21...

Cristante fala dos p…

O jovem jogador italiano do Benfica, Bryan Cristan...

Notícias

Portugal

Comunidade

Diversos

Nós cá fora